Site info

Loading

As principais novidades do primeiro dia do Google I/O 2011

Hoje (10/05/2011) foi o primeiro dia da edição 2011 do Google I/O, evento voltado a desenvolvedores, mas que apresenta algumas “atrações” que interessam ao público em geral. A conferência é transmitida ao vivo pela internet. Se você não conferiu os anúncios de hoje, sem problemas: eis um resumo com as principais novidades.

Eis o tão falado Google Music. Trata-se de uma plataforma para armazenamento de músicas on-line, serviço bem parecido com o Amazon Cloud Player. A ideia é a de que o usuário possa guardar suas músicas “nas nuvens” e acessá-las de qualquer lugar, especialmente a partir de smartphones com Android. O Google Music é gratuito e permite o armazenamento de até 20 mil músicas. Pelo menos por enquanto, o usuário precisa enviar suas canções ao serviço, uma vez que o Google não fechou acordos com gravadoras para oferecer aquisição de faixas pelas internet.

A parte chata é que o Google Music está disponível apenas para usuários dos Estados Unidos que conseguirem convite. Ainda não há informação de lançamento oficial (o serviço está em fase beta) ou disponibilização em outros países.

Outra novidade bacana, mas que estará disponível apenas nos Estados Unidos (e que pouco provavelmente chegará em terras tupiniquins, por questões de licenciamento): em breve, o Google permitirá que os usuários da Android Market aluguem filmes pelo serviço. A empresa promete disponibilizar milhares de títulos com preços a partir de 1,99 dólar. Depois de alugado, o filme poderá ser visto em até 30 dias ou em 24 horas a partir da sua primeira execução.

E o Google aproveitou o evento para anunciar o Android 3.1, uma atualização do Android Honeycomb (3.0), versão criada especialmente para tablets. Uma de suas novidades é o redimensionamento de widgets. Outra é a maior compatibilidade com dispositivos USB. O Android 3.1 estará disponível inicialmente para usuários da operadora Verizon, nos Estados Unidos, que tenham um Motorola Xoom. Posteriormente estará disponível para outros tablets.

A empresa aproveitou também para anunciar o Android Ice Cream Sandwich, que tem a proposta de unificar as versões do sistema operacional para smartphones e tablets. É uma tentativa do Google de amenizar a fragmentação do Android, isto é, a quantidade elevada de versões do sistema, situação que atrapalha desenvolvedores e usuários. O Google ainda não informou quando o Android Ice Cream Sandwich deverá ser lançado.

Android Ice Cream Sandwich

Símbolo do Android Ice Cream Sandwich (Imagem: Google)

O melhor de tudo é que o Google I/O 2011 não terminou: amanhã (11/05/2011) será o segundo do dia do evento. Saiba mais e veja as transmissões no link www.google.com/events/io/2011/ (em inglês).

Emerson Alecrim

.

Related Posts with Thumbnails