Site info

Loading

Depois de 13 anos, processo antimonopólio contra a Microsoft é encerrado

Hoje, 12 de maio de 2011, é a data na qual a Microsoft se livra de um grande peso nas costas: depois de 13 anos, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos encerrou o processo antimonopólio (antitruste) movido contra a empresa.

Em 1998, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos, com o apoio de 19 estados, iniciou o processo em questão porque a Microsoft havia sido acusada de, entre outras ações, aproveitar o domínio do Windows no mercado para distribuir junto ao sistema operacional o navegador Internet Explorer, o que pode ter prejudicado a atuação de desenvolvedores de software concorrentes.

Depois de sentenças e apelações, ambos os lados chegaram  a um acordo em 2002: nele, o Departamento de Justiça passou a supervisionar as atividades da Microsoft, trabalho este que também foi encerrado hoje.

O Departamento de Justiça vê o término do processo de maneira positiva: “a Microsoft já não domina a indústria de PCs como em 1998. Quase todo o segmento de middleware, desde navegadores até reprodutores de mídia e softwares de mensagens instantâneas, é muito mais competitivo hoje do que naquela época”, diz o comunicado da entidade.

A Microsoft também se manifestou sobre o fim do processo: “a nossa experiência mudou e alterou a maneira como vemos nossa responsabilidade perante à indústria”, disse Kevin Kutz, porta-voz da companhia, que completou: “estamos satisfeitos em conduzir este assunto a uma conclusão bem-sucedida”.

No final de 2009, a União Europeia também decidiu encerrar o processo antitruste que movia contra a Microsoft.

Referências: eWeek.com, PCWorld.

.

Related Posts with Thumbnails