Site info

Loading

Windows Intune: para gerenciar computadores a partir das nuvens

A Microsoft começou o mês de junho com um lançamento interessante para o segmento corporativo: o Windows Intune. Não, não se trata de uma nova versão de seu sistema operacional, mas sim de uma plataforma que permite a uma empresa gerenciar seus computadores a partir das “nuvens”.

Quando eu falo de gerenciar, me refiro aos vários procedimentos que comumente fazem parte da rotina dos departamentos de TI: atualizar antivírus, instalar atualizações de software, fazer inventários de máquinas, obter relatórios, utilizar acesso remoto para prestar suporte a um usuário, aplicar diretivas de segurança (forçar o usuário a trocar de senha a cada três meses, por exemplo), entre outros.

Painel de controle do Windows Intune

Painel de controle do Windows Intune: à esquerda, é possível acessar atualizações de software, diretivas, controle de licenças, entre outros – Imagem por Microsoft

O Windows Intune permite tudo isso de maneira facilitada, já que se trata de uma solução baseada nas nuvens, como eu disse no início do texto. Isso significa que o painel de controle que dá acesso a todos os recursos de gerenciamento pode ser acessado de qualquer lugar a partir do navegador de internet (é necessário ter Silverlight). Com isso, o administrador de sistemas pode, por exemplo, ser avisado por e-mail sobre um problema de segurança e executar a ação necessária a partir da sua casa.

É possível também gerenciar computadores “móveis”. Por exemplo: se a empresa possui uma equipe de consultores que precisa viajar constantemente para visitar clientes, pode prestar suporte a estes usuários ou verificar as condições de segurança de seus notebooks de onde quer que eles estejam, bastando uma conexão à internet para isso.

O licenciamento também é diferente: a Microsoft cobra mensalmente 11 dólares para cada computador gerenciado, fazendo com que a novidade seja especialmente interessante a empresas de pequeno e médio porte que não querem ou não podem gastar com servidores e outras soluções mais complexas. Este valor inclui uma licença de upgrade de cada PC para o Windows 7 Enterprise, uma versão mais apropriada para uso corporativo. Além disso, inclui também atualizações de antivírus, que são baseadas no Microsoft Security Essentials e no Forefront.

Controle de segurança no Windows Intune

Controle de segurança dos computadores a partir do Windows Intune

O Windows Intune me pareceu deveras interessante porque eu trabalhei por muito tempo em departamentos de TI e sei como automatizar tarefas no gerenciamento de computadores é uma missão importante, não só para diminuir gastos com manutenção, mas também para permitir que os usuários tenham suas máquinas disponíveis por mais tempo.

Também por ter trabalhado com isso é que acho uma pena o Windows Intune não funcionar com softwares de terceiros: se, por exemplo, sua empresa utilizar uma solução de antivírus de outro desenvolvedor, não poderá atualizar as definições de segurança do programa a partir da plataforma da Microsoft. Mas, de acordo com Paula Bellizia, diretora de marketing da companhia, a Microsoft poderá trabalhar em conjunto com outras companhias de software caso perceba que essa é uma necessidade de seus clientes.

Bom, se estiver interessado e quiser obter mais informações sobre o Windows Intune, basta visitar o site www.windowsintune.com.br.

Emerson Alecrim

.

Related Posts with Thumbnails